Como combater a insônia São Paulo, São Paulo

A insônia pode ser causada por vários fatores,dentre eles estresse,trânsito,qualidade do colchão,ventilação,temperatura e ruídos do ambiente.As pessoas que trabalham em turnos noturnos também dificultam ou impedem totalmente o ato de dormir bem.

Cleber Sartorio
(11) 8358-6556
Rua Joquim Felicio 146 - 13 B
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina Preventiva e Social

Dados Divulgados por
Gisele Cristine Teixeira Barbosa
(11) 3081-5973
Rua Rubião Meira 42
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina Estetica

Dados Divulgados por
Rita Kaarkoski
36751211
Rua Cardoso de Almeida 1991
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
George Stojkow
(11) 5096-0140
Rua Casa do Ator 764
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Maria Mercedes Granja
(11) 3079-3000
Rua Urussui 92 - 125
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Mauro Fisberg
(11) 5575-3875
Rua Borges Lagoa 1080 - 603
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Jose Roberto Araujo Lima
(11) 3846-7973
R. Barra do Peixe 18
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Hiran Rodrigues de Souza Junior
(11) 3348-4000
Av. Lins de Vasconcelos 356
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Thomaz Rafael Gollop
(11) 5093-0809
R. Félix de Sousa 321
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Genética Médica

Dados Divulgados por
Aldemir Natucci Rizzo
(11) 3266-5819
Avenida Paulista 575 - Conjunto 507
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Como combater a insônia

Um dos grandes problemas da atualidade, diante de estresse, trânsito e outros fatores infelizmente resultam em grande maioria da população a famosa "insônia".

É preciso que nós reconheçamos a existência do nosso próprio relógio biológico e assim respeitar seu funcionamento natural, ajudar o próprio organismo a manter um sono melhor. Situação difícil, mas não impossível.

Embora atinja homens e mulheres de todas as faixas etárias, a insônia é mais freqüente em mulheres da terceira idade (após a menopausa)

As pessoas que trabalham em turnos noturnos também dificultam ou impedem totalmente o ato de dormir bem.

Mas afinal, quantas horas de sono são necessárias para seu repouso? 5 horas? 8 horas?

O ambiente do quarto e da cama influenciam realmente no sono?

Qual o melhor horário para praticar os exercícios que favorecem o sono e a alimentação adequada antes de dormir?

Para responder estas e outras, é preciso saber que a insônia não é definida pela duração do sono.

Insônia é a dificuldade de iniciar ou manter o sono, que acarreta a diminuição da quantidade de horas dormida.

Pode levar à sonolência diurna, reduzir o rendimento do trabalho, causar acidentes de transito, afetar o convívio social e afetivo, prejudicar a aparência por deteriorar a pele e provocar olheiras.

Existem dois tipos de insônia:

a) Mais branda: ocasional, que aparece e desaparece de tempos em tempos.

b) Transitória: que dura de três a quatro semanas, sintoma muito preocupante, persiste por mais de 1 mês e pode estar relacionada a graves distúrbios psicológicos.

Além disso, outros fatores podem bloquear o sono, como:

- Qualidade do colchão, a ventilação, temperatura e ruídos do ambiente.

O sono tem poder restaurador, no sentido de repor as energias e garantir bem estar no dia seguinte, e que a falta de sono acarreta inúmeros problemas.

A insônia é desencadeada, geralmente por aborrecimentos, sofrimentos e ou perdas, problemas financeiros, saúde ou falta de segurança.

A atividade física regular (3 ou 4 vezes semanais) ou a realização de tarefas relaxantes, como leituras e pintura. Exercitar o corpo é um dos melhores antídotos no combate ao estresse.

Dicas para dormir melhor (verdades e mentiras)

- bebida alcoólica: mentira, além de o álcool fazer mal a saúde, o sono pode demorar em chegar ou chegar com má qualidade;

- televisão: mentira, a tv é hipnótica e pode demorar mais a ver o programa e pegar no sono.

- leite - verdade, de preferência morno, mas cuidado com os excessos;

- livros - verdade, mas cuidado ao empolgar-se e só dormir 3 horas depois do que pretendia.

- cigarro, mentira, assim como a bebida, deve ser evitado.

- horas de sono: durma apenas o suficiente para se sentir bem

- horários, procure manter horários regulares.

- ambiente: os sons e a luminosidade interferem no sono

- exercícios: pratique regularmente exercícios físicos

Em casos em que persistam tais sintomas, é preciso que procure um médico e verifique os cuidados necessários a serem realizados.

Boa Sorte

Sobre o Autor

 * Graduado pela USP em Licenciatura em Educação Física (Aluno-especial - 1996)







Artigos.com