Chá-verde é indicado para emagrecimento São Paulo, São Paulo

Estudo constata que consumidores de chá-verde queimam mais calorias. A nutricionista Ana Paula Leão explica sobre a alterção da taxa metabólica provocada por essa bebida. Ela também orienta quanto às restrições do chá.

Clarissa Peric de Freitas
(11) 5084-7432
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Marcio Henrique de Oliveira Mattos
(11) 3965-2783
R Luis Vasconcelos 35
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Masayuki Nakagawa Junior
(11) 3078-0716
Rua Tabapuã 821 - Cj 66
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Administração em Saúde

Dados Divulgados por
Claudio Pericles
+55 11 26453092
Av. Eng. Luiz Carlos Berrini 1297/ 61
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Administração em Saúde

Dados Divulgados por
Aldemir Natucci Rizzo
(11) 3266-5819
Avenida Paulista 575 - Conjunto 507
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Valdemiro de Souza Lima Júnior
(11) 2799-3381
Celso Garcia 2294
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Ana Claudia Montezino
(11) 3285-2685
R. Carlos Sampaio 304 cj.112
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Ana Cecilia Paiva Barreto da Rocha Calfat
(11) 3714-9418
Rua Gaston Elie Pouget 23 - Casa
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Wu Chi Haur
(11) 3209-0112
Praça Santo Agostinho 70 - Conjunto 11
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina Preventiva e Social

Dados Divulgados por
Cleber Sartorio
(11) 8358-6556
Rua Joquim Felicio 146 - 13 B
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina Preventiva e Social

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Chá-verde é indicado para emagrecimento

sexta-feira, 10 de julho de 2009

O chá verde traz inúmeros benefícios, mas não se deve exagerar no consumo da bebida

O chá-verde é feito a partir de folhas de Camellia sinesis, as mesmas utilizadas na composição do chá-preto. A diferença é que o chá-verde utiliza folhas menos oxidadas.

Inúmeros estudos sobre os benefícios do chá-verde indicam que ele auxilia na prevenção de algumas doenças como o câncer. Além disso, o seu consumo é apontado por aumentar a proporção do bom colesterol (HDL) em relação ao mau colesterol (LDL).

Em 1999, o American Journal of Clinical Nutrition dos EUA publicou um estudo mostrando que as pessoas que consomem chá-verde queimam mais calorias do que as que não ingerem a bebida, isto se dá devido ao aumento da taxa metabólica, sendo indicado para ser incluído em dietas para perda de peso.

Há também estudos que mostram que o consumo de extrato de chá-verde pode melhorar a performance e resistência das pessoas que praticam esportes regularmente.

A nutricionista e tutora do Portal Educação , Ana Paula Leão Rossi, dá algumas orientações sobre o consumo desta bebida. “O chá-verde é considerado um alimento funcional, ou seja, possui substâncias que fazem bem à saúde e previne doenças. Além disso, contém níveis concentrados de catequinas e polifenóis, substâncias que agem na prevenção do câncer, fortalecendo o sistema imune, combatem os radicais livres, protegendo as células e retardando o envelhecimento, auxiliam no processo de emagrecimento, aumentando o gasto energético e a oxidação das gorduras e reduz os teores de colesterol ruim”.

Além disso, a nutricionista alerta quanto às restrições:

- Por conter cafeína, pode elevar a pressão arterial, portanto, não deve ser recomendado para hipertensos e gestantes;
- Para garantir os benefícios e evitar problemas de saúde, recomenda-se ingerir de três a quatro xícaras diariamente;
- O consumo exagerado do chá-verde pode acarretar problemas de saúde como náuseas, taquicardia e problemas gastrointestinais;
- Indivíduos que possuem deficiência do mineral ferro devem evitar o consumo do chá por conter taninos, que inibem a absorção desse mineral.
- É importante realizar o consumo com cautela para que possa receber os benefícios oferecidos pelo chá.

Fonte: Assessoria de Imprensa - Portal Educação

Clique aqui para ler este artigo na Portal Esporte